January 21 2013

Rosangela Lotfi

Cinco etapas para seu planejamento financeiro

Em termos históricos finanças pessoais é um tema relativamente novo no Brasil, apenas a partir do fim anos 1990 é que foi possível pensar em organizar finanças, cortar gastos e investir. Mas ainda falta muita cultura financeira no Brasil e uma série de livros para ajudar alcança-la.

O pontapé inicial foi dado em julho de 1994 com a implantação do Plano Real que pôs fim a quase três décadas de inflação elevada quando não se sabia nem qual o salário do mês trabalhado. Na época esperava-se a divulgação do gatilho salarial para ai sim, calcular com base no salário anterior, qual seria a receita da família naquele mês. Para pensar em finanças é preciso mapear consumo, saber qual o gasto alimentação, com a prestação do carro, com a escola do filho. E isso era inviável já que os preços mudavam de uma semana para outra, de um mês para o outro. O assunto finanças pessoais só entrou na vida dos brasileiros há 6 ou 7 anos e o País está ainda em processo inicial de “financeirização” com o crédito se tornando relativamente abundante, os investimentos mais complexos, voláteis e menos rentáveis. E a responsabilidade individual em assuntos como saúde e previdência aumentando. Tudo isso gera dúvida e angústia para as pessoas e é nesse cenário de incertezas que os consultores de finanças pessoais lançam livros para ajudar a reorganizar sua vida financeira, investir e realizar sonhos de consumo que viram best-sellers figurando por meses consecutivos na lista dos mais vendidos.

5-etapas-do-planejamento-financeiro

Compre o E-book clicando neste banner!

Um desses livros sobre investimentos e finanças, lançado em 2012, que figura no ranking dos 10 recomendados pela revista Exame é “As 5 etapas do planejamento financeiro”, do professor Elisson de Andrade, mestre em finanças pessoais da Faculdade Dom Bosco e do MBA da Universidade Metodista, ambas em de Piracicaba, interior de São Paulo. No livro eletrônico, o também palestrante, se propõe a auxiliar quem deseja começar a se planejar financeiramente, mas não sabe por onde começar. São cinco capítulos, com a mesma metodologia dos cursos, e cinco etapas propostas para a organização financeira.

Com prefácio de Gustavo Cerbasi, o mais prestigiado consultor em finanças pessoais, autor de dez livros, todos best-sellers, o livro “As 5 etapas do planejamento financeiro”, sistematiza conceitos e os torna aplicáveis no dia a dia. Explica que o planejamento financeiro é capaz de moldar o futuro e ajuda a diminuir os imprevistos de sua vida, mas naturalmente, não pode eliminá-los. “O papel do planejamento é, pura e simplesmente, dar um rumo a suas escolhas.”, diz o autor explicando que o a falta de dinheiro afeta o lado emocional das pessoas, causando problemas conjugais e acarretando menor produtividade no ambiente de trabalho.

De acordo com o professor no Brasil, de maneira geral, somos pouco educados financeiramente, e além da falta de cultura financeira, somos extremamente emocionais. Ao longo da leitura das “5 etapas do planejamento financeiro”, o leitor aprende que gerenciamento financeiro depende controle emocional (leia-se disciplina) e conhecimento técnico para entender (parece óbvio, mas não é) que quando sai mais dinheiro do que entra, faltará no futuro acarretando um círculo vicioso de problemas. O livro ensina a fazer balanço patrimonial e a entender o que é um ativo bom e um ativo ruim. Isto é, os ativos geram receita ou despesa, que ao longo do tempo colocam dinheiro no seu bolso (ativo bom) ou tiram dinheiro do seu bolso (ativo ruim). Ele cita como exemplo uma casa de praia: se usada só nas férias por um mês ou dois, ficando desocupada o resto do ano só dando despesas com impostos e manutenção é um ativo ruim. A mesma casa de praia alugada durante o ano inteiro, dando renda é um ativo bom. “Ao longo do tempo, se você conseguir uma quantidade de ativos bons que gerem renda passiva maior que suas despesas, você terá conquistado sua independência financeira.”

Além dos conceitos aplicáveis que transmite em linguagem acessível e clara, Elisson de Andrade, fornece os conselhos que 10 em cada 10 consultores de finanças pessoais dão e  que 9 entre 10 pessoas sabem que são importantes, mas quase nunca praticam: defina objetivos claros dentro do processo de planejamento financeiro – “só assim, sabendo que haverá uma recompensa ainda maior no futuro, as pessoas aceitam abrir mão de satisfazer um desejo hoje”- livre-se dasdívidas renegociando-as; pare de fazer dívidas, controle os desejos; corte despesas, poupe e invista. “As palavras poupar e investir, no linguajar popular, possuem significados muito semelhantes, apesar de, tecnicamente, haver diferença entre os termos. Poupar é o ato de juntar dinheiro através de uma restrição de consumo (ganhar mais do que gasta), enquanto investir significa assumir riscos ao aplicar seus recursos financeiros.” afirma o professor. Por fim fala das vantagens e desvantagens de todos os tipos de investimentos.

O e-book é interativo e, ao fim da cada capítulo, sugere leituras adicionais e disponibiliza links para vídeos que tratam do tópico daquele capítulo. Todos os capítulos são finalizados com o que o autor chama de “momento do cafezinho”, um convite para que as pessoas reflitam sobre o que leram e respondam questões (que podem ser anotadas no “diário de bordo”) importantes para seu planejamento financeiro. O e-book só pode ser comprado na página do professor na internet.

Sobre o autor: Rosângela Lotfi

Rosângela Lotfi é jornalista especializada em economia e negócios, mas com múltiplos interesses. Possui experiência e atua em mídias impressas [jornais, revistas] e internet, nos quais produz conteúdos informativos e insitucionais. Atua também como ghostwriter (www.theghostwriterblog.wordpress.com)


Discussão

Leonardo A. Romano February 16, 2013 at 7:39 pm

Gostaria de adquirir o e-book do Porf. Ellison, mas não estou conseguindo acessar o link pelo banner acima e de nenhuma outra forma de pesquisa. Como devo proceder?

Agradeço pela atenção!
Leonardo

Postar um comentário