November 28 2016

Andreia Silveira

Ferramentas que ajudam o MEI a prosperar

Conheça aqui as ferramentas que ajudam o MEI para crescer e como alcançar o sucesso.

Ferramentas que ajudam o MEI a prosperarCom a crise que o país está enfrentando, está cada vez maior o número de empresas novas. Só no ano de 2015, foram registradas quase dois milhões de empresas abertas, onde desses novos empreendimentos, a maior parte está dentro da categoria MEI. Entre os 76% dos novos empreendedores, o comércio é o segmento que mais cresceu, com uma alta de 31% dentre todas as novas MEIs.

O estado de Minas Gerais teve um registro de 211.501, enquanto que o Rio de Janeiro registrou 216.054 e São Paulo é o que mais obteve novos negócios, registrando um número de 539.953.

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

Aproveitando a demissão do trabalho

Muitos dos novos MEIs aproveitaram que foram desligados da empresa e utilizou o saldo do FGTS para abrir a sua micro-empresa, conforme aponta o Sebrae. Alguns tiraram a ideia do papel, enquanto outros só focaram no que sabiam e gostavam de fazer.

Em ambos os casos, o CNPJ tem auxiliado muito os novos MEIs a conseguir comprar e negociar com os fornecedores, além de ter um aumento considerável em suas vendas. Mas além desse primeiro passo, que é a formalização da ideia, o empreendedor individual precisa considerar algumas ferramentas para crescer e prosperar em seu novo negócio.

Conheça as ferramentas que ajudam o MEI a prosperar

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

Para o empreendedor individual alcançar o sucesso, é preciso considerar e se atentar a três ferramentas que são:

  1. Cadastro Positivo

Ter uma empresa com bom nome no mercado ajuda muito o empreendedor individual e está entre as ferramentas que ajudam o MEI a crescer. Através do Cadastro Positivo as empresas têm melhores condições de financiamentos com instituições financeiras e bancos. Fora que contam com um processo muito menos burocrático, além de poder negociar taxas e prazos com os fornecedores e que são mais favoráveis.

  1. CNPJ

Possui um CNPJ ativo, ou seja, uma empresa formalizada é fundamental para o sucesso da empresa. O MEI pode utilizar o serviço MeProteja, que a Serasa Experian criou onde é possível monitorar os dados da MEI e por meio de um relatório eficaz e completo. Dessa forma o MEI fica sabendo, em tempo real, por e-mail sobre qualquer negativação.

  1. Fornecedores

Principalmente para quem atua na área do comércio, ter parcerias é essencial e nada melhor do que fechar negócio com quem entende sobre o mercado que você atua. O conhecimento dos fornecedores é essencial para que as suas vendas sejam um sucesso e a melhor maneira de garantir isso é fazendo uma consulta de CNPJ, onde você terá pleno conhecimento sobre a nova estrutura societária.

Aproveite as nossas dicas sobre empréstimos para negativados e regularize a sua dívida, 😉

Sobre o autor: Andreia Silveira

Gostou do nosso artigo? Que tal aproveitar e realizar uma simulação de empréstimo e receber excelentes propostas através dos parceiros do site Emprestimo.org
Clique Aqui!

Muitos leitores realizaram a simulação de um Empréstimo através de nosso site!

De quanto dinheiro você precisa?

Solicitar

Discussão

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário

Prestamos um serviço completamente gratuito pra você
NUNCA faça qualquer tipo de depósito para conseguir seu empréstimo. Ficou com dúvida? Entre em contato conosco.