Os principais erros de negócio e como se livrar deles

20, julho, 2017
Jeniffer Elaina da Silva

Todos sabemos que errar é humano e ninguém está imune a cometer falhas, inclusive os empreendedores!

Aliás, muitas histórias do mundo do empreendedorismo foram recheadas de inúmeros erros até chegarem ao sucesso.

O fato é que ter o seu próprio negócio é um grande desafio, exige grande esforço e dedicação, então é normal que erros de negócio sejam cometidos durante trajetória. Inclusive, muitos deles podem gerar um grande aprendizado. Porém, melhor do que aprender com os próprios erros é aprender com os erros dos outros.

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

Nesse sentido, há muitos deles que já foram cometidos por outros empreendedores e que já geraram muitos aprendizados, os quais foram compartilhados com o mundo. Então, não faz muito sentido errar nessas questões por pura desatenção.

Isso fica mais intenso quando o empreendedor é alguém que está tendo a sua primeira experiência nesse mundo. Então, um pouco de estudo e capacitação nessas questões não faz mal a ninguém e pode evitar dores de cabeças desnecessárias.

Para ajudar nessa questão, preparamos esse post com 10 dos principais erros de negócio para você saber como evitá-los. Confira!

Os principais erros de negócio e como se livrar deles

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

1. Não ter um plano de negócios

Saiba que muitas empresas chegam ao processo de falência de forma prematura justamente por falta de planejamento. Então, um dos principais erros de negócio é simplesmente começar sem um plano de negócios, que é uma das principais ferramentas para planejar o início de uma empresa.

Então, para evitar que esse seja o motivo de um possível fracasso, antes de iniciar qualquer ação ou atividade, tenha como prioridade elaborar esse documento, que será uma excelente ferramenta para guiá-lo em busca do sucesso.

Afinal, será por meio dele que serão definidos os objetivos, metas e ações de longo, médio e curto prazo para a empresa.

Saiba que, principalmente para quem está começando, transformar a visão de onde se quer chegar em coisas mais objetivas, é determinante para que esse caminho seja mais alcançável.

Com o plano de negócios isso é totalmente viável! Então, que tal começar com o pé direito desde o início?

2. Ser desorganizado financeiramente

Uma das prioridades de qualquer negócio deverá ser a sua gestão financeira. Mas, muitos empreendedores possuem muitas dúvidas relacionadas a essa área e a quantidade dos que vivem em uma grande desorganização financeira também é grande.

Então, fique atento com essa questão, pois não entender de finanças é um erro grave que pode ser irreversível e comprometer a saúde do negócio. Por exemplo, é preciso que o empreendedor esteja preparado para lidar coma burocracia da abertura da empresa que envolve o pagamento de taxas e tributos.

Nesse sentido, a sugestão é buscar a orientação profissional de um contador, que é uma figura essencial para qualquer negócio. Muitas querem economizar, não contratando esse profissional e acabam tendo sérios prejuízos.

Saiba que um contador poderá ser muito mais que alguém contratado pela empresa, mas um parceiro que ajudará com as melhores orientações sobre o futuro do negócio, indicando o caminho a ser seguido nos assuntos financeiros e contábeis.

Outra sugestão é estudar como fazer um bom fluxo de caixa, pois com planilhas simples é possível controlar as entradas e saídas financeiras da empresa. Essa ferramenta pode parecer simples, mas ela é essencial no auxílio do crescimento e também nos planos futuros do negócio.

3. Não saber diferenciar preço e lucro

Outro erro de negócio que não pode ser cometido, é não saber definir a margem de lucro ao fixar o preço dos seus produtos ou serviços.

Por esse motivo, muitos empreendedores acabam vendendo muito, mas no fim do mês o lucro das vendas é praticamente nulo ou então negativo. Nesses casos, é bem provável que o preço do produto esteja com a margem errada e a consequência é o negócio está perdendo dinheiro.

Então, procure estudar as técnicas corretas para definir a margem de lucro dos seus produtos. Dessa forma, diminui-se o risco da empresa sofrer desse mal e ter sua saúde financeira comprometida.

4. Ignorar o marketing

Ignorar o marketing também é um erro que pode ser fatal, pois é através dele que a empresa conseguirá divulgar seus produtos e serviços.

Aliás, nos dias de hoje, o marketing vem se tornando uma das áreas mais estratégicas para qualquer empresa, atuando cada vez mais forte na jornada do seu cliente.

Então, estratégias e ações que envolvem a comunicação e marketing não podem ser ignoradas e devem ser adotadas o quanto antes, principalmente para os negócios que estão começando agora.

Saiba que não precisa de muita coisa para começar. Por exemplo, você pode explorar todo o potencial das redes sociais, enviar emails informativos para uma lista de clientes e contatos, além de trabalhar com outras estratégias, tal como a criação de um programa de fidelidade.

Comece com ações pequenas e incremente-as conforme o tempo vai passando.

5. Demorar para lançar um produto

É natural do ser humano buscar a perfeição quando está construindo algo, mas esse é um grande ponto de atenção, pois pode ser prejudicial em um processo de criação e lançamento de um produto.

Até porque, esse processo pode levar muito tempo e em muitos casos pode se tornar algo caro para a empresa, pois o mercado pode mudar rapidamente e a solução pode tornar-se obsoleta no momento do lançamento.

Portanto, trabalhe para lançar a sua ideia de produto o quanto antes, a sugestão é começar com um MVP – que é a sigla para Mínimo Produto Viável, em português. O MVP basicamente consiste em criar uma solução inicial, que não seja muito complexa e não muito cara, para validar uma ideia de negócio.

Com ele será possível lançar rapidamente o produto no mercado, entender como o público aceita-o e receber feedbacks para poder implementar correções e melhorias.

Além disso, será possível decidir se vale continuar com a solução proposta ou mudá-la em quanto é tempo. Isso poupará tempo e dinheiro do negócio.

6. Não estudar o seu mercado

Por mais que o empreendedor já tenha uma certa experiência em seu mercado de atuação, um dos grandes erros de negócio que ele pode cometer é assumir que isso é suficiente e não estudá-lo continuamente.

Até porque, todos os mercados estão evoluindo de forma muito rápida e dinâmica todos os dias. Então, é preciso buscar acompanhar sempre as suas tendências e não deixar de estudar a concorrência.

Nesse sentido, entenda em quais pontos os seus concorrentes fazem um bom trabalho, para que você possa melhorar o seu produto ou serviço, e também em quais deles você é mais forte. Com isso, será possível criar cada vez mais um diferencial para a sua marca.

Os principais erros de negócio e como se livrar deles

7.  Não se preocupar com o capital de giro

Para quem não sabe, o capital de giro é o valor que é necessário para cobrir os custos da empresa e manter sua operação funcionando. Portanto, é preciso sempre contar com esse valor para que o seu funcionamento não seja comprometido.

Um grande erro que é cometido por empreendedores é simplesmente ignorá-lo, principalmente quando o negócio está iniciando, pois nesse momento ainda não há vendas e nem lucro.

Por isso, é importante a realização de um planejamento de quanto desse capital será necessário ao longo dos primeiros meses da empresa. Além disso, é preciso fazer um bom trabalho para evitar gastos desnecessários e fazer uma boa gestão do fluxo de caixa para ajudar nesse controle.

8. Não ter um diferencial

Não buscar ter um diferencial em seu produto ou serviço também é um dos grandes erros de negócio que deve ser evitado.

O fato é que as pessoas já estão cansadas das mesmas soluções para os antigos problemas que possuem. Portanto, no momento de idealização de uma solução, é preciso que ela traga algo diferente e efetivo para resolver o problema do seu cliente.

Um bom início para buscar esse diferencial, é estudar a concorrência, verificar o que eles já fazem e quais as falhas que cometem ao entregar essa solução para o mercado. Junto a isso, busque também entender a realidade de potenciais consumidores.

Dessa maneira, muitas ideias de soluções poderão surgir de forma que sejam diferentes e inovadoras quando comparadas com o que já existe no mercado.

9. Desconhecer quem é o seu cliente

Conhecer o cliente é fundamental para que as empresas possam prosperar. Portanto, desconhecê-lo é um grande erro, pois não se saber para quem o produto será vendido e consequentemente, não será possível saber a melhor maneira de prospectá-los.

Quando o negócio passa a conhecer o seu cliente, ele aprende muito sobre as suas necessidades e suas dores, tornando o processo de venda torna-se muito mais trivial, pois é possível trabalhar nessas suas demandas, mostrando como o produto pode atendê-las.

Sugerimos em um primeiro momento que você utilize a ferramenta de personas para entender quem é o seu cliente em potencial. A partir disso, é possível estudá-lo mais a fundo e poder fornecer muito mais eficiência para a sua área comercial.

10. Desistir no primeiro obstáculo

Por fim, saiba que desistir de empreender no primeiro obstáculo pode ser um grande erro e que poderá causar arrependimentos no futuro.

Sabemos que empreender não é fácil, porém não se deixe abater pelos problemas que podem aparecer. Faça uma reflexão se essa dificuldade não é algo básico e se vale a pena mesmo desistir do negócio por esse motivo.

Procure entender também se você não está procurando abandonar o negócio por simples falta de vontade.

Saiba que muitas ideias com grande potencial já foram desperdiçadas dessa maneira. Você não quer entrar para esse grupo, não é mesmo?

Agora que você já sabe alguns dos principais erros de negócio, conheça mais sobre Compra instantânea: como essa estratégia vem mudando o perfil dos consumidores

 

Texto de autoria do Saia do Lugar, site com dicas para empreendedores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como fazer o seu emprestimo online
Selecione o tipo de empréstimo que você deseja no topo do site.
Escolha um dos sites parceiros para solicitar seu empréstimo.
Preencha o formulário e confirme a sua solicitação.
Prestamos um serviço completamente gratuito para você
NUNCA faça qualquer tipo de depósito para conseguir seu empréstimo. Ficou com dúvida?
Leia nossos artigos para fazer um empréstimo seguro!