Empréstimo: porque você não deve arriscar sua segurança pegando dinheiro com um agiota!

Atualizado em 30/07/2015
Publicado em 30/07/2012
Autor: Regina Di Ciommo

Em algumas cidades pequenas do interior do Brasil ainda existe a figura do “agiota”. Ele é a pessoa que empresta dinheiro a juros, para conhecidos, amigos e compadres.

O agiota existe há séculos, para não dizer milênios. Antes dos bancos, os comerciantes mais ricos já ganhavam dinheiro emprestando e cobrando por isso. Ele é uma figura histórica e muito conhecida em muitos países. O agiota profissional ganha dinheiro com empréstimos, porém não paga impostos devidos e não é fiscalizado pelos órgãos do governo. Ele não tem sua atividade regulamentada. Apesar de muitas vezes ter um relacionamento de amizade com quem precisa de dinheiro, existem casos em que o agiota se mostra uma pessoa violenta e ameaçadora para quem não paga a dívida.

Nos dias de hoje ser agiota tornou-se uma atividade perigosa, para ambos os lados da negociação. Geralmente o agiota guarda muito dinheiro em casa. Como as notícias correm de boca em boca rapidamente, o povo sabe que ele tem dinheiro e bandidos estão chegando até nas pequenas cidades do interior, o que não acontecia até poucos anos atrás.

Uma história verídica pode ajudar a entender esse risco. Há alguns meses, o Sr. Domingos, que empresta dinheiro a juros, estava com a família tranquilamente em casa, numa cidadezinha de 5.000 habitantes do interior de Minas Gerais. Alguém da família abriu a porta para um conhecido que chamava, e qual não foi a surpresa quando 4 homens armados entraram, ameaçaram a família e exigiram o dinheiro guardado. O Sr. Domingos tinha em casa a nada modesta quantia de R$ 900.000,00! Os ladrões levaram uma fortuna em dinheiro e em cheques pagos pelos clientes.

A tragédia, no entanto, não foi só para o Sr. Domingos, que perdeu tudo o que tinha, mas também para aqueles que pediram dinheiro emprestado. Quando toda a história foi contada à polícia, os emitentes dos cheques foram identificados e todos ficaram sabendo quem pegou e quem não pegou dinheiro emprestado. Você já imaginou o que significou tamanho constrangimento em uma cidadezinha?

Se você precisa de um empréstimo, procure uma instituição ou um banco. É muito mais seguro! As taxas são regulamentadas e você não vai se colocar em risco. Toda a operação é cercada de segurança e você não vai sair na rua com dinheiro no bolso, podendo ser assaltado, mas vai ter o valor creditado na sua conta bancária.

Para a sua segurança a melhor alternativa é o banco ou a financeira. No mundo atual os agiotas parecem estar com os dias contados!

Imagem: Voluvia.com



9 Comentários

  • Irene de jesus mota dos santos says:

    Boa noite,

    Eu preciso de um empréstimo com urgência, eu sou assalariada trabalho em uma empresa privada.

    Obrigada.

  • Aparecido says:

    Boa tarde,
    Os verdadeiros agiotas são os bancos, porque se você marcar bobeira eles tomam até sua cueca, calcinha e assim por diante! Porque que o governo não regulariza a agiotagem cobrando mais ou menos 1 % de imposto ficaria bom para os dois lados, mas já que o governo quer ganhar mais do que o agiota…o agiota tem é que não pagar imposto mesmo e pronto.
    Att.

  • paulo gones says:

    Boa tarde,

    Preciso fazer um empréstimo para fazer um muro de arrimo. Como faço?

    Obrigado

  • paulo gones says:

    Olá, blog

    Gostaria de fazer um empréstimo, como posso fazer?

    Um bom dia.

  • ODEIDE ALVES DOS SANTOS says:

    Olá!

    Quero saber como faço para conseguir um empréstimo, obrigado!

  • ODEIDE ALVES DOS SANTOS says:

    Quero fazer um empréstimo para montar o meu próprio negócio. Podem me ajudar?

  • Os bancos complicam cada vez mais para as pessoas. says:

    A confiança nas pessoas não existe mais.

  • Cada vez mais os bancos complicam para as pessoas. says:

    Olá,
    Às vezes os banco complicam muito para as pessoas. Eles fazem propaganda enganosa. Aí, quando chega lá não é nada do que eles disseram. Por isso, as pessoas procuram o meio mais rápido e mais fácil.
    Valeu.

  • Anonimo says:

    Esse clima de insegurança sempre favoreceu aos bancos. Tanto a falta de segurança pública quanto a grande propaganda midiática e alarmista em torno dos crimes serve para gerar panico na sociedade e todos colocarem seu dinheiro nos bancos.

    Com isso os bancos podem cobrar as taxas e juros que quiserem, remunerarem quase nada quem faz os depositos e enriquecerem em cima desse clima de insegurança da sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prestamos um serviço completamente gratuito para você
NUNCA faça qualquer tipo de depósito para conseguir seu empréstimo. Ficou com dúvida?
Leia nossos artigos para fazer um empréstimo seguro!